Home » Media » Atividade Dirigida: “No Caminho do Bem – Intolerância Religiosa” (Ep. 5)

3 Responses so far.

  1. Marciana Santana disse:

    Vivemos em uma sociedade de diversidade de religiões, onde a cada momento as pessoas buscam sua conexão com o sagrado. A partir disto reaparece com força a intolerância religiosa, que tem ganhado muito destaque em uma sociedade mais aberta, mas que ainda não respeita a escolha do outro.
    No vídeo No Caminho do Bem, o entrevistador trata do tema intolerância religiosa apresentando na visão de algumas religiões, sendo interessante observar que ninguém é culpado, mas se vítima da situação. Mas ao se observar, as falas relatam um amor ao próximo que é inexistente, falando-se em Deus, mas não cumprindo um mandamento que é universal. Por que sentimos tanta dificuldade em aceitar o outro? Em aceitar sua posição e escolha de vida? No documentário uma pergunta me chama atenção: Se a fé nos separa, o que poderá nos unir? Nos levando a refletir sobre nossas atitudes perante o próximo.
    Percebemos assim que a intolerância faz com que não pensemos como Cristo, e passemos a agir como vítimas. Não exercendo a empatia e o respeito à diversidade existente.

  2. Wbiratan Costa disse:

    Se tomarmos a visão histórica como ponto de partida perceberemos que a intolerância religiosa sempre esteve presente na sociedade,principalmente nos relacionamentos entre os diversos povos e culturas, mas com o passar dos séculos vimos a fixação do modelo “estado” para as sociedades e posteriormente a sua laicidade. Hoje os direitos são iguais para todos, ou pelo menos deveria ser, mas fora dos muros estatais ainda acontecem as intolerâncias religiosas entre diversas religiões: Candomblé, Umbanda, católicos, protestantes etc. É fato que em muitas vezes o evangelicalismo é visto com uma conotação negativa e demonizada, mas será que muitos evangélicos não têm atraído esses olhares? Será que muitos lideres evangélicos não mesclaram sua intolerância religiosa com seus interesses políticos numa investida de dominação do estado? No contexto brasileiro a politica têm se tornado um alvo para aqueles religiosos sedentos de poder. Para nós a bíblia é o livro sagrado que nos ensina como viver, mas em meio a todo esse contexto como fazer que as outras pessoas vejam e vivam esse lindo e maravilhoso estilo de vida? Usando o respeito e deixando que os ensinos de Jesus transpareçam em nossas vidas.

  3. odalvo disse:

    Este assunto é bastante relevante para os dias atuais, mas nos comentários exibido dar-se entender que os evangélicos são os vilões da historia e o resto são os oprimidos. Partindo principio de que todos tem sofrido essa intolerância, mas não negando as experiencias de traumas e sofrimentos passados por outros meios religiosos, a solução não está em politicas publicas mas na ortopraxia das escrituras.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *